Espaço para amigos e visitantes... pois é gente, vamos ler e contribuir aqui "SoBrE aLgUmAs CoIsAs"... Agnise Martins

quinta-feira, 20 de setembro de 2007

Argumentar, persuadir, convencer, influenciar, manipular...


Argumentar, persuadir, convencer, influenciar, manipular...
(Afinal de contas, quem é quem?)

Todas essas palavras são todas bem parecidas em seus significados e fazem parte de nossas vidas cotidianamente, afinal de contas, quem não quer ter poder sobre os outros???
Olhe, não me fale que nunca pensou nisso, nem que vc é democrático e politicamente correto, pq no fundo no fundo, lá dentro no seu pensamento, vc já quis um dia ou em todos os dias, persuadir as pessoas para q pensassem como vc pensa, assim o mundo seria mais fácil pra vc, ou pelo menos para o seu mundo.
O fato é que, todos nós em alguma situação de nossas vidas, já utilizamos essas palavras, já precisamos argumentar com alguém, tentamos convencer pessoas de que algumas coisas são certas e outras tantas são erradas, e queremos geralmente (digo por mim!) influenciá-las a optar pelo que é certo, para livrá-las da manipulação desenfreada do sistema alienador do mundo.

Então, vamos aos esclarecimentos:

Argumentar: Expor idéias para causar reflexão com fins de mudança de comportamento ou tomada de atitude.
Argumentos: propostas que levam o seu interlocutor a avaliar determinada questão.
Convencer: vencer junto com o outro, de maneira racional, através de argumentos lógicos ambas partes entram em acordo. (com + vc + vencer = convencer)
Persuadir: utiliza-se argumentos emocionais apela-se aos sentimentos, provoca-se sensações.
Influenciar: causar uma ação no outro convencendo ou persuadindo
Manipular: dominar independente de convencimento ou persuasão

Então, é o seguinte:

Você precisa de argumentos para influenciar sem manipular, através de uma argumentação persuasiva e de convencimento.


Sacou?!



obs: As adaptações das definições são minhas! De acordo com o q já estudei sobre o assunto...

6 comentários:

Guide disse...

Acho que saquei uhauahuahua...seu post é extremamente didatico, mas principalmente esclarecedor. Vivemos num mundo em que a manipulação ocorre de maneira desenfreada...resultando em várias formas de alienação...essa pressão que vêm das mídias quebra a real e justa ação que está no argumentar...criando falsos argumentos que acabam nos influenciando de forma manipuladora...É, precisamos estar sempre atentos e com espírito questionativo ativo para não nos convencermos fácilmente com aquilo que nos é exposto...discernimento e reflexão é tudo para uma argumentação mais livre e justa.
Espero que meu raciocínio tenha saído certo...espero não ter confundido nenhum termo uahuahuahua
Bjão (Adorei o post, me fez lembrar minha mono :D)

GUEDES, Chris disse...

Seu texto também me fez lembrar da minha monografia, aliás, de todos os estudos que alertam, de uma forma ou de outra, para a manipulação da mídia, para que não sejamos persuadidos a precisar de algo que não precisamos, a desejar algo que não nos preenche. Bem lembrado e, como disse Ingrid, bem didático. Parabéns, Ag! ;)

disse...

Pois é Agnise, influenciar vs manipular é a grande polêmica de nosso curso, não é mesmo? Eu lembro quando William, lá no 2 ou 3º período nos fez questionar sobre isso... O teu post cai certinho nesse dilema. ^^
Adorei o texto xD

Bjosss

K.B. Leite disse...

É um post muito bom, mas deixa a desejar no quesito jurídico, pois convencer e persuadir não são exatamente isso que você colocou ai não.

vlw

arcmello disse...

Achei execente e para completar eu acrescentaria a palavra Incisivo.
abs Adilson

WebThiago disse...

O Post é bem característico, o motivo é que existe pessoas fortes e outras fracas, estou falando sobre influência, quem vence aquele que tem maior manipulação e convence com suas palavras agradáveis.

Mas voltando ao post, ótimo post.